Ocorreu um erro neste gadget

terça-feira, 13 de abril de 2010

A DOR QUE MUDA

No dia 31 de dezembro de 2009, o que era pra ser um dia de alegria se transformou num pesadelo de dor, lágrimas e sofrimento, minha filha Maria Helena dos Anjos Barreto , 17 anos, acabou por morrer vítima de acidentre de trânsito na BR 101 no sentido Feira de Santana -Ba para a Ilha de Itaparica. Maria Helena não resistiu ao impacto violento sofrido pelo veículo Gol que a conduzia com um Caminhão dirigido por um motorista irresponsável ao fazer uma ultrapassem em local não permitido.
Hoje me pego pensando na dor e no sofrimento que ela teve que suportar naquele momento trágico, o motorista do caminhão como sempre fugiu do local sem prestar socorro de forma covarde ao ver a gravidade do acidente que causara.
Maria helena perdeu a vida e eu aminha junto com ela e o motorista desumano e inconsequente continua solta em pelna liberdade podendo tirar a vida de outras pessoas inocentes pelas estradas.
Maria Helena fez parte da estatística de fim de ano de vítimas fatais em acidentes de trânsito nas estradas baianas e ele o autor do homicídio engrossa as fileiras da impunidade imperante nesse País pela fragilidade da Lei de Trânsito no Brasil.
Movido por esse sentimento de revolta e dor resolvi fazer esse blog como uma ferramenta que possa dar início a transformação dessa realidade cruel que é a violência no trânsito, para isso no entanto conto com o apoio de todos no sentido de puder realizar um trabalho de reintegração das vítimas de acidentes de trânsito assim como aos seus familiares após a realidade traumática vivenciada pelos mesmos.